Publicado o Regulamento da medida REATIVAR DESPORTO - prolongado até 4 de setembro

Foi publicado o Regulamento de acesso à medida REATIVAR DESPORTO através da Portaria n.º 142-B/2021, de 8 de julho, que disponibilizará um montante de 30 milhões de euros a fundo perdido para apoio direto a clubes desportivos, no processo de retoma da atividade desportiva federada. As candidaturas foram prolongadas até 4 de setembro

O impacto que a pandemia COVID-19 provocou em toda a sociedade refletiu-se, naturalmente, também no sistema desportivo. O REATIVAR DESPORTO, inserido no conjunto de medidas extraordinárias de apoio ao setor, representa um impulso para a recuperação dos agentes de base do sistema desportivo nacional.

Este instrumento de apoio, a dinamizar pelo IPDJ, abre hoje, dia 9 de julho, o processo de registo e candidaturas, que decorre até 4 de setembro.

A medida REATIVAR DESPORTO integra, juntamente com o reforço dos programas PRID - Programa de Reabilitação de Infraestruturas Desportivas e PNDpT - Programa Nacional Desporto para Todos, o Fundo de Apoio para a Recuperação da Atividade Física e Desportiva, aprovado pelo Governo para dinamizar o desporto, atendendo ao contexto pandémico.

Neste processo de retoma da atividade desportiva federada, é ainda disponibilizado, igualmente a partir de hoje, dia 9 de julho, junto da banca comercial a linha de crédito do Programa FEDERAÇÕES+ DESPORTIVAS, no valor de 30 milhões de euros, cujas condições podem ser consultadas no sítio do Banco Português de Fomento S.A, garantindo, assim, também o reforço da capacidade da tesouraria deste outro pilar do sistema, as Federações Desportivas.

Estes apoios, que ascendem a 65 milhões de euros, visam mitigar o impacto no desporto, particularmente afetado pela pandemia de COVID-19.
Mais informação, registo e candidatura ao REATIVAR DESPORTO, aqui.

Fonte: CDP/IPDJ, 09/07/2021